Será que ainda conseguiremos vencer esta batalha?

Escrito por abracopel 15 de julho de 2019 0 comentários visto 2040 vezes

Você conhece o propósito da Abracopel? Sabe por que estamos aqui? Por que, diariamente, batemos na mesma tecla da segurança, dos cuidados, de todos os perigos que envolvem a eletricidade? Vamos tentar explicar.

Os dados

Como já mencionamos anteriormente, no ano de 2018 foram registrados 1.424 acidentes de origem elétrica em todo o território nacional, sendo 836 choques elétricos, 537 incêndios por sobrecarga ou curto-circuito e 51 descargas atmosféricas (raios).

Gráfico – Dados gerais de acidentes de origem elétrico – fatais e não fatais – retirado do Anuário Estatístico Abracopel – Ano Base 2018.

É possível notar, através do gráfico acima, que os choques elétricos lideram o ranking de acidentes no país.

Ao compararmos o ano de 2017 com 2018, é possível notar uma queda no número de mortes por choques elétricos. Porém, este número dobrou no quesito mortes por incêndio originado por sobrecargas, passando de 30 para 61 casos em 2018.

Por que este número está tão elevado?

De acordo com o Engenheiro Eletricista e Diretor-Executivo da Abracopel, Edson Martinho, boa parte desses acidentes ocorrem devido às instalações elétricas de muitas residências serem antigas. Além disso, gambiarras, falta de manutenção e a utilização de uma mesma tomada para conectar diversos eletrônicos através de extensões e benjamins também contribuíram para este elevado número de ocorrências.

Ainda, de acordo com o Eng. Edson Martinho, o aumento do número de acidentes foi provocado por aparelhos de ar condicionado e ventiladores, além, é claro, dos acidentes com carregadores de celular que, só no ano passado registraram 39 acidentes com 23 mortes.

Se você quer receber alguns dados do anuário clique aqui. Em breve disponibilizaremos um link para a compra do anuário completo.

Dicas de segurança

Você pode estar se perguntando: “Como faço para me proteger contra esses problemas?”. Em primeiro lugar é sempre contratar um profissional para a realização da manutenção de sua instalação elétrica. Em segundo lugar, e talvez ainda mais importante, é ter informação. É importante lembra e saber que uma instalação elétrica precisa ser avaliada, no mínimo, a cada cinco anos e isso, claro, deve ser feito por um profissional habilitado e atualizado com as normas de segurança vigentes.

Será que vale a pena economizar e colocar sua segurança, de sua família e de seu imóvel em risco?

Conscientização para o Crescimento

Sempre perguntamos: Não seria legal ter o Brasil como uma referência positiva para todos os outros países do Globo, por ser considerado o único país com estatística zero em acidentes elétricos?

Sabia que você pode ajudar? Você também pode fazer parte desta comunidade de conscientização, basta se associar à nossa causa.

Vamos lá! Vamos fazer do Brasil o número 1 em estatística zero em acidentes elétricos.

#Brasilzeroacidente #brazilacidentezero #brasilzeroacidenteeletricidade #Brasilzeracidenteeletrico

Siga-nos

parceiros Abracopel

parceiros Abracopel

Vídeo

Webinar - Contratando profissionais que atendam a NR-10