CUIDADO! Choque Elétrico Mata!

Escrito por abracopel 29 de maio de 2019 0 comentários visto 196 vezes

“Choquinho ou chocão”, não importa a intensidade, o choque elétrico é sempre um risco para todos que trabalham, direta ou indiretamente, com energia elétrica.

Todos devem ter conhecimento sobre os riscos que envolvem a eletricidade e como evitar acidentes. Em casa, na rua, no escritório, todo cuidado é pouco.

De acordo com o Anuário Estatístico divulgado pela Abracopel, em 2018, no Brasil, foram registrados 1.424 acidentes de origem elétrica e 622 mortes. Do total registrado, 836 acidentes foram causados por choques elétricos, 537 incêndios por sobrecarga ou curto-circuito e 51 descargas atmosféricas. Todos esses valores representam um aumento de 2,67% quando comparados ao ano de 2017.

Um “choquinho”

Um choque é causado por uma corrente elétrica que passa pelo corpo. A intensidade desta corrente, bem como o caminho que ela percorre, é o que pode causar danos ao organismo.

Muitos pensam que não, mas, até mesmo as pequenas tensões podem causar graves danos ao corpo humano, como pequenas contrações ou lesões irreparáveis.

A proteção.

Independentemente do local, seja em casa ou em um estabelecimento comercial, algumas medidas simples podem e devem ser tomadas, a fim de evitar problemas com a eletricidade.

Em estabelecimentos comerciais, o bom funcionamento dos equipamentos eletrônicos depende do controle e fiscalização das empresas. Já, em casa, devemos ter total atenção com as instalações e efetuar, periodicamente, uma revisão elétrica.

Cuidados em áreas externas e internas.

Você nunca imaginou, mas um supermercado esconde grandes armadilhas elétricas, principalmente para crianças. Portanto, é de suma importância que elas sempre fiquem próximas a um adulto quando estiverem neste tipo de ambiente.

Para os equipamentos eletrônicos, é importante observar se os fios estão devidamente encapados, se existem fios em superfícies molhadas, extensões ou benjamins conectados às tomadas. Se houver, retire, para que as crianças não se prejudiquem com essa situação.

Todos correm o risco.

Todos que atuam com energia elétrica estão expostos aos riscos tanto engenheiros, eletricistas, e outros trabalhadores que atuam diretamente com eletricidade, quanto pessoas que atuam em escritórios, faxineiras, agricultores e todos aqueles que, mesmo indiretamente, possuem algum tipo de contato.

Prevenir ainda é o melhor remédio.

Informação, conhecimento e orientação são as melhores armas para evitar riscos à saúde. Mas sempre é bom lembrar que além de contratar mão de obra qualificada, os produtos utilizados também devem ser certificados.

A Qualifio – Associação Brasileira pela Qualidade dos Fios e Cabos Elétricos, realiza mensalmente uma ação de monitoramento dos fios e canos comercializados nos principais pontos de venda com o intuito de garantir que o consumidor não compre “gato por lebre”.

Para conhecer os fabricantes que seguem rigorosamente as normas pré-estabelecidas para a produção de fios e cabos seguros e confiáveis, acesse o site da Qualifio (clicando aqui).

A Abracopel continuará zelando pela sua segurança através de informações, seminários, palestras e eventos. Informar e alertar é a nossa missão. Abracopel, lutando sempre para a conscientização das pessoas para os perigos da eletricidade.

Siga-nos

parceiros Abracopel

parceiros Abracopel

Vídeo

Webinar - Contratando profissionais que atendam a NR-10