O PERIGO SE ESCONDE NAS PAREDES DA SUA CASA

Escrito por abracopel 27 de janeiro de 2016 0 comentários visto 1252 vezes

Não, não vou escrever sobre filmes de terror. Se bem que, pensando bem até poderia ser enredo de um. O perigo que está escondido atrás das suas paredes, infelizmente, não assusta ninguém. Isso até um incêndio acontecer e, aí sim, toda a história se transformar em uma tragédia.

Estou falando da falta de atenção que a maioria das pessoas tem com as instalações elétricas de suas casas, comércios, indústrias, escolas… Os fios escondidos dentro das paredes podem parecer inofensivos, afinal nem aparecem para mostrar que algo não vai bem, porém eles podem se transformar em grandes vilões dentro de nossas casas.

Uma instalação elétrica mal dimensionada, a má escolha de materiais e a contratação de ‘pseudo-profissionais’ que ousam se intitular eletricistas, são algumas das péssimas escolhas que as pessoas fazem durante uma construção ou reforma.

A cultura, ou melhor, a falta dela para as boas práticas em segurança e a eterna mania do jeitinho brasileiro faz com que se pense antes de tudo no que é bonito: azulejos e faixas com detalhes em alto relevo, pisos de porcelanato que brilham mais que o sol, portas pivotantes com puxadores de design arrojado, detalhes em madeiras nobres e por aí segue uma interminável lista de ‘embelezamentos’ para a tão desejada ‘casa dos sonhos’.

E o que falar na automação de tudo o que existir dentro e fora de casa: pisos aquecidos, cenários computadorizados, janelas que abrem com a luz do sol, geladeiras inteligentes. Isso sem falar nos óbvios alarmes, aparelhos eletrônicos de última geração, TVs Smart 3D etc. etc. etc.

E aí pergunto: alguém se lembrou de colocar no seu planejamento algo muito simples que faz tudo isso acontecer? Ops, e a instalação elétrica? Ah, isso é fácil: é só comprar um monte de fios (do mais barato possível), assim sobra ‘grana’ para comprar aquelas tomadas e espelhos super lindos que acabaram de lançar na Feicon. Não é assim que acontece, meus caros leitores?

A instalação elétrica é o ‘patinho feio’ de qualquer construção. É esquecida, relegada em segundo ou terceiro plano. Projeto elétrico? Para que? Só para gastar ainda mais contratando um projetista? O pedreiro é bom. Ele mesmo faz tudo sozinho! E lá se vai outro Zé Faísca fazer o serviço para o qual não foi preparado, ‘mas que aprendeu na prática’ e ‘tem muita experiência’.

Aí então, a casa ‘linda’ fica pronta. Tudo reluz de tão bonito. Tudo funciona na hora. Perfeito! Até o momento em que o filho liga o som, o kinet, a TV e o home theater na mesma tomada, e lá dentro da parede pintada com aquela tinta super chique que não tem cheiro, outro cheiro começa a ser sentido. Cheiro de fumaça e depois, o fogo. Porque lá dentro, aqueles fios fininhos que foram comprados para economizar, não aguentam a carga de tantos aparelhos ligados e começa a esquentar, a derreter a sua capa de proteção e a queimar.

Lá na cozinha gourmet, micro-ondas, geladeira side by side, processador e cafeteira também ligados todos juntos em um mesmo ponto começam juntos a derreter os fios fininhos que também foram colocados ali.

E tudo o que foi pensado e planejado com tanto cuidado pode se perder em um incêndio, porque o terrível vilão ‘fio fininho’ resolveu se rebelar!

Os curtos circuitos são mais comuns do que pensamos. Em 2014, segundo dados da Abracopel – Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade, foram 295 incêndios cuja origem foi um curto circuito nas instalações elétricas. Destes, 135 aconteceram em residências, 97 em comércios, 14 em escolas, 25 em empresas públicas e 8 em indústrias. Além da perda de patrimônios, estes incêndios levaram à morte 20 pessoas.

Por isso, se você está construindo ou planejando sua tão sonhada casa, não deixe a instalação elétrica para o final. Pense nela como um item tão importante quanto os tijolos que vão levantar sua casa. Afinal, tão importante quanto à segurança de uma estrutura firme, é ter sua casa livre de ‘monstros’ escondidos dentro das paredes.

Mais dados e estatísticas sobre acidentes envolvendo eletricidade, entre em contato conosco.

Veja abaixo alguns ‘acidentes’ que mostram que os incêndios causados por curto circuito são mais comuns do que pensamos:

http://g1.globo.com/ma/maranhao/noticia/2015/06/loja-de-confeccoes-pega-fogo-apos-curto-circuito-em-bairro-de-sao-luis.html

http://g1.globo.com/am/amazonas/noticia/2015/06/incendio-atinge-casa-em-bairro-da-zona-norte-de-manaus.html

http://new.d24am.com/noticias/amazonas/curto-circuito-maquina-lavar-provoca-incendio-casa-belo-horizonte/135405

http://g1.globo.com/ro/ariquemes-e-vale-do-jamari/noticia/2015/06/incendio-destroi-casa-de-madeira-em-cujubim-no-vale-do-jamari-ro.html

 

Meire Biudes Martinho

Assessoria de Imprensa e Comunuicação

www.lambdacomunicacao.com.br

11-4456-3609

Social Followers

Vídeo

Webinar - Contratando profissionais que atendam a NR-10

Galeria de fotos

Doe qualquer valor clicando abaixo