Até onde vai a sua responsabilidade?

Escrito por abracopel 18 de junho de 2019 0 comentários visto 164 vezes

Uma instalação elétrica deve ser muito bem dimensionada e executada da maneira correta para não colocar em risco a vida dos usuários.

Porém, alguns “profissionais” da área, por não terem total conhecimento ou, até mesmo, por descaso, julgando que nada irá acontecer, não efetuam corretamente a instalação elétrica, acarretando acidentes como incêndios, choques elétricos, e outros.

Uma questão de responsabilidade.

Quando um serviço é executado, pode não parecer, mas, existem várias pessoas envolvidas no processo como:

  1. O fabricante dos fios e cabos utilizados – se a empresa não seguir corretamente as normas de segurança para fabricação dos materiais, um problema com superaquecimento dos fios poderá ocorrer, ocasionando em algo mais grave no futuro;
  2. O lojista/ balconista vendedor – Este deve ter conhecimento técnico ou, pelo menos, algum conhecimento sobre o material que está comercializando, para garantir ao comprador que ele não está levando “gato por lebre”, comprando um produto caro, sem nenhuma certificação;
  3. O projetista/ engenheiro – Estes, por sua vez, possuem um papel fundamental no dimensionamento das instalações elétricas para que não ocorram sobrecargas ou problemas nos circuitos elétricos;
  4. O eletricista – Sua responsabilidade aqui também é importante, pois, ele é o responsável pela instalação correta dos pontos elétricos, bem como informar ao cliente sobre todos os cuidados que esse deverá ter ao utilizar a eletricidade.
  5. O usuário – o último elo da cadeia, que também possui sua parcela de responsabilidade. Este utiliza “artifícios” para aumentar o número de tomadas em sua residência utilizando benjamins, extensões e réguas o que acaba colocando em risco sua vida, de sua família e de seu patrimônio.

Qual o nosso papel?

A Abracopel possui uma importante missão que pode ser disseminada para toda a cadeia.

Nosso papel é informar e conscientizar a todos sobre os perigos com a eletricidade, desde o fabricante, que deve cumprir com as leis e normas até o eletricista que deve instruir seu cliente para como proceder da maneira correta com as instalações e, por fim, o usuário, que deve ter em sua consciência que eletricidade mata se for manuseada de maneira incorreta.

Procuramos atuar tanto com os jovens, nas escolas, informando e mostrando como devem se proteger em situações de risco e, ao mesmo tempo, passar essas informações aos seus responsáveis, e também aos profissionais da área que se “esquecem” da importância de um EPI e como devem seguir as normas de segurança estabelecidas para cada trabalho. [Por que nosso trabalho é importante?]

Não seria fantástico ver o Brasil nos noticiários como uma referência em acidentes zero no quesito, eletricidade?

VOCÊ também pode ajudar!

Profissionais da área, usuários, associem-se à Abracopel e nos ajude a transmitir essa mensagem de conscientização aonde quer que você esteja. [Fazendo do Brasil o número 1.]

Vamos fazer do Brasil um país modelo, referência em estatística zero com acidentes de origem elétrica.

Abracopel – eletricidade é coisa séria, não brinque com a vida!

Siga-nos

parceiros Abracopel

parceiros Abracopel

Vídeo

Webinar - Contratando profissionais que atendam a NR-10