Início das aulas: tem perigo rondando nossas escolas!

Escrito por abracopel 21 de fevereiro de 2017 0 comentários visto 625 vezes

Estamos no período de retorno às aulas, tanto na rede pública, como particular. Milhares de pequenos estudantes se agitam em torno de um ano que se inicia, novas amizades, material escolar novinho, muita agitação.

Mas, assim como em nossas casas, nas escolas a eletricidade também é fundamental. É ela que alimenta a iluminação das salas de aula, administração, quadras, refeitórios etc. Porém, quando a eletricidade não é bem cuidada, acidentes acontecem e, muitas vezes podem ser fatais. Segundo a Abracopel, o ano de 2016 fechou com 599 acidentes de origem elétrica, destes, 37 aconteceram em escolas, sendo 08 choques elétricos e 28 incêndios por curto circuito. Esse acidentes levaram à morte 03 adolescentes entre 11 e 15 anos.

Aliás, um dos locais em que a eletricidade é ainda mais importante são os refeitórios onde são preparadas toneladas de alimentos para a merenda escolar. A cozinha é uma área de grande risco, principalmente quando se ligam na mesma tomada diversos equipamentos elétricos como batedeiras, liquidificadores e tudo em tamanho família. Por ser uma área em que água e eletricidade convivem muito perto, existe maior probabilidade dos choques elétricos acontecerem. Os dados de 2016 recentemente divulgados pela Abracopel dão conta de que 35 pessoas perderam a vida manuseando eletrodomésticos como geladeiras, micro-ondas e máquinas de lavar. Nas escolas, os equipamentos de cozinhas industriais demandam bastante energia e, além do risco de choque elétrico, facilmente podem aquecer os fios das tomadas que os alimenta, causando um curto circuito e possível incêndio.

O uso de extensões, benjamins ou T’s são muito comuns, tanto em nossas casas, como nas escolas. E é preciso lembrar que o uso de benjamins e T’s requer muito cuidado, senão os fios aquecem, a camada protetora derrete e eles podem pegar fogo. Os dados da Abracopel para acidentes envolvendo benjamins, T’s e extensões em 2016 totalizam 33 acidentes que levaram 30 pessoas à morte.

Outro local em que é preciso ficar atento dentro das escolas são as quadras esportivas. Dois exemplos mostram o perigo de fios desencapados em locais de grande afluência de pessoas: em Cruz Alta-RS, o aluno de uma escola pública levou um choque na quadra durante a aula de educação física. Por sorte, ele sobreviveu. Já outro aluno de Itanhém, na Bahia, não teve a mesma sorte. Ele estava igualmente na aula de educação física quando foi pegar uma bola que caiu em um local mais afastado do pátio da escola, pisou em um fio desencapado e morreu. Outro perigo são os bebedouros, em 2016 não tivemos ocorrências deste tipo de choque, mas em 2014 e 2015 alguns casos fatais chamaram a atenção como mostram os links abaixo:

http://g1.globo.com/goias/noticia/2015/07/juiz-condena-estado-por-morte-de-garoto-eletrocutado-em-bebedouro.html

http://www.bonde.com.br/educacao/ensino/pais-cujo-filho-morreu-de-choque-eletrico-no-bebedouro-da-escola-serao-indenizados-349682.html

http://noticias.r7.com/cidades/fotos/crianca-leva-choque-ao-beber-agua-no-bebedouro-da-escola-no-rio-grande-do-sul-24052015#!/foto/4

Todos esses acidentes seriam totalmente evitados se a instalação elétrica da escola estivesse em ordem e nela estivesse instalado um dispositivo que salva vidas, o DR – Dispositivo Diferencial Residual, uma espécie de disjuntor que percebe uma fuga de corrente e desliga todos os circuitos em questão de milissegundos, não permitindo assim que a corrente elétrica chegue até a pessoa. Fugas de corrente só acontecem quando alguma coisa não está correta.

Por isso, diretores, professores e pais de alunos, procurem verificar se as instalações elétricas da escola de seu aluno – filho está em ordem. Às vezes, uma verificação da instalação elétrica e uma pequena adequação pode salvar uma vida. Pense nisso!

Outro link relacionado:

http://www.diariodaregiao.com.br/cidades/garoto-de-9-anos-%C3%A9-eletrocutado-em-escola-1.651052

 

Mais informações com Lambda Comunicação

Meire Biudes – Jornalista e Comunicadora Empresarial

11—99870-4994 – 11-4456-3609

Social Followers

Próximos Eventos

  • Nenhum evento

Vídeo

Webinar - Contratando profissionais que atendam a NR-10

Galeria de fotos

Doe qualquer valor clicando abaixo