Prêmio Abracopel de Jornalismo: conheça os vencedores e confira a emoção de sempre!

Escrito por abracopel 8 de dezembro de 2018 0 comentários visto 740 vezes

Doze anos se passaram desde a ideia de se criar uma premiação que instigasse os profissionais de mídia a pensar na eletricidade segura e, assim criar matérias para serem lidas, ouvidas e vistas. Doze anos e temos a certeza de que uma premiação tão focada em um tema tão pouco falado neste país foi uma decisão acertada.

Esta ação começou muito despretensiosa, não tínhamos nem ideia se poderia dar certo. E hoje, apesar de tantos obstáculos, palavras negativas e muitas dúvidas é uma ação mais que consolidada. Hoje, podemos afirmar que esta é uma das ações da Abracopel que mais retorno nos dá diante de nossa missão: a conscientização. Afinal, são 12 anos de estímulo aos profissionais de mídia a pautarem matérias que conscientizem a população para os riscos que a eletricidade oferece quando não é respeitada. E a cada matéria escrita em jornais e revistas, cada entrevista de rádio, cada programa na TV, cada post em blogs e redes sociais, milhares, milhões de pessoas são atingidas e…conscientizadas. Nosso trabalho já foi realizado antes mesmo destas mesmas matérias serem inscritas no prêmio e é por isso que seguimos em frente, ainda mais confiantes em nossa missão.

Já são 12 anos, mais de 1700 matérias inscritas, 10 categorias e a emoção teima em se repetir. A cerimônia de premiação do Prêmio Abracopel de Jornalismo é uma rara oportunidade que temos de reunir os amigos, os apoiadores, autoridades em um momento social e descontraído. Mas a emoção teima em nos pegar no contrapé.

E, uma vez mais, no auditório da ENEL (antiga Eletropaulo), parceira e apoiadora da Abracopel, capitaneado por nossa Mestre de Cerimônia, jornalista Mariana Kotscho que, há 5 anos apresenta o evento, estivemos juntos neste dia 06 de dezembro para conhecermos os vencedores nas dez categorias: Artigo Técnico, Revista, Rádio, Internet Áudio-Vídeo e Texto, Assessoria de Imprensa, Empresarial, Fotografia, Jornal e Televisão.

Mas antes, o momento das homenagens. A entidade reconhecida por seu trabalho na capacitação em gestão dos profissionais do setor e no levantamento de estatísticas sobre acidentes de origem elétrica foi a Fundação COGE, na pessoa de seu Gerente de Saúde e Segurança do Trabalho, Luiz Carlos de Miranda Junior, que abordou a importância de entidades como a Abracopel e a Fundação COGE estarem alinhadas com as questões da segurança com a eletricidade. A personalidade deste ano foi o Eng. de Segurança do Trabalho, Cesar Vianna Moreira, profissional reconhecido no mercado da saúde e segurança do trabalho por sua credibilidade. Cesar, muito emocionado, se lembrou de um prêmio que recebeu em outra ocasião e que o recebeu constrangido pois não se sentia merecedor. E que hoje, esse reconhecimento do Abracopel lhe dava uma ‘pequena’ sensação de reconhecimento do trabalho realizado. Sua modéstia, contudo, foi contestada, já que todos sabem do merecimento deste incrível profissional, árduo defensor da segurança do trabalho em nosso país.

O diretor executivo da Abracopel, Eng. Edson Martinho abordou, em sua fala, as ações que já desenvolvemos e aquelas que iremos desenvolver em 2019. Martinho frisou a importância de entender a Abracopel, não apenas como uma entidade que realiza eventos pelo Brasil, mas sim, uma entidade necessária para o fomento de um mercado de qualidade para as empresas do setor.

Iniciando as premiações, conhecemos os vencedores. Vamos lá:

ARTIGO TÉCNICO

Vencedor: Eleilson Santos Costa, com o artigo: Arcos elétricos em cubículos de distribuição: causas, efeitos e medidas de proteção, publicado na Revista Potência. Receberam Menção Honrosa nesta categoria: João Macário de Omena Netto (Revista Lumière) e André e Anderson Konescki (Lumière).

INTERNET ÁUDIO-VÍDEO

Vencedor: Henrique Mattede, com o vídeo Carnaval Perigos da Eletricidade, postado no Canal Mundo da Elétrica. As Menções honrosas foram para Everton Moraes (Sala da Elétrica), André Mafra (Engehall) e Bruna Barbosa (Faesa).

INTERNET TEXTO

Vencedora: Bruna Souza Cruz, do Portal UOL com a matéria Megazord da gambiarra: vários adaptadores na tomada podem incendiar a casa. E as Menções foram para Carlos Alberto Soares (Portal Itapetininga) e Rone Carvalho (Diário da Região – SJ Rio Preto).

ASSESSORIA DE IMPRENSA

Vencedora: Patrícia Stedile, com a matéria Mortes por choques elétricos aumentam no Brasil (Engenharia de Comunicação). As Menções foram para Natalia Fontão (Expressão das Letras) e Ana Paula Couto (Via Pública).

EMPRESARIAL

Vencedora: Vania Mattozo, da Intranet da CELESC, com a matéria Os bons Parceiros.

FOTOGRAFIA

Vencedora: Dirceu Barros, imagem da matéria: Cuidados com a montagem de palco no Carnaval, Semanário Itapetininga. Menção foi para Mara Sousa (Diário da Região).

JORNAL

Vencedor: Rone Carvalho, com a matéria Os riscos que vêm da eletricidade, publicado no Jornal Diário da Região (S.J. Rio Preto-SP). Menções honrosas para Izabel Guedes (A Crítica de Manaus) e Luis Eduardo Andrade (Jornal Correio da Paraíba).

RÁDIO

Vencedora: Thaissa Martiniuk, com a matéria Curitiba está entre as 5 capitais com maior  número de incêndios por curto-circuito, veiculada na BandNews FM (curitiba). As menções foram para Leno Falk (Agência Radioweb) e Tatiane de Souza (Agência Radioweb).

REVISTA

Vencedora: Luciana Freitas, com a matéria Eletricidade não tem cheiro nem cor, mas pode matar, publicada na Revista Lumière. As Menções foram para Clarice Bombana (Revista Potência) e Martina Wartchow (Revista Proteção).

TELEVISÃO

Vencedor: Eduardo Sozo, com a matéria Especialista dá dicas para evitar explosões ao carregar o celular, transmitida pelo Programa Fala Brasil (Record SP). As Menções foram para Ingrid Griebel (Balanço Geral Record SP) e Gislene Bastos (RIC TV Record PR).

O 9.o Prêmio Especial Programa Casa Segura, que premia, dentre todas a matérias concorrentes aquela que tenha abordado de forma mais clara os riscos e cuidados com as instalações elétricas residenciais, foi para CLARICE BOMBANA, com a matéria CIDADES EM ALERTA, publicado na REVISTA POTÊNCIA. Clarice lembrou do grande tempo que tem dentro do setor elétrico, falou das dificuldades iniciais para entender os termos e definições do setor e que o tempo trouxe conhecimento e a certeza da importância de se falar sobre a segurança com a eletricidade. Parabéns Clarice.

Ao final desta noite ‘eletrizante’, o sentimento renovado de missão cumprida. Este foi o último evento de 2018 da Abracopel. Um ano em que estivemos em, praticamente, todo o país, levando a bandeira da segurança com eletricidade para os profissionais do setor Seminários Técnicos), para as crianças e adolescentes (Concurso de Redação, Desenho e Vídeo), para os docentes técnicos (CONADSE) e para a população em geral (Prêmio Abracopel de Jornalismo).

Agradecimento mais que especial às empresas e entidades que acreditam nesta missão e que fazem o prêmio acontecer: ABB, FLUKE, COBRECOM, GRUPO LAMBDA, PROCOBRE (PROGRAMA CASA SEGURA) E ENEL.

Missão que está sendo difundida, com muitas dificuldades, isso é certo! Mas, também, com muita alegria e o sentimento sempre renovado de que vale a pena fazer parte de algo que é muito maior que você. Estaremos juntos novamente em 2019!

VEJA A GALERIA DE IMAGENS DA CERIMÔNIA

PREMIAÇÃO:

COQUETEL:

Siga-nos

parceiros Abracopel

parceiros Abracopel

Vídeo

Webinar - Contratando profissionais que atendam a NR-10